4 de julho de 2022

Resistência a Bolsonaro diminui e presidente cresce nas pesquisas

Em segundo nas pesquisas, Jair Bolsonaro teve melhora nos índices eleitorais
Em segundo nas pesquisas, Jair Bolsonaro teve melhora nos índices eleitorais (Foto: Russian State Duma\TASS via Getty Images)
  • Avaliação do governo Bolsonaro melhorou, segundo pesquisa CNT 
  • Para 30% dos entrevistados, governo é ótimo ou bom, melhora de sete pontos percentuais
  • Também caiu índice de brasileiros que disseram que não votariam em Bolsonaro de jeito nenhum

A avaliação do governo de Jair Bolsonaro (PL) melhorou entre os eleitores – apesar de o índice negativo ainda ser alto. Em relação a dezembro de 2021, a avaliação positiva da gestão de Bolsonaro subiu de 23% para 30%. É o que mostra a nova pesquisa CNT, divulgada nesta segunda-feira (21).

O índice negativo, que suma ruim e péssimo, se manteve acima dos 40%, mas houve uma redução de cinco pontos percentuais.

O levantamento foi feito entre os dias 16 e 19 de fevereiro, com 2.002 pessoas. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais. A pesquisa foi registrada no TSE com o número BR-09751/2022.

Veja como ficou a avaliação do governo Bolsonaro:

  • Positiva (ótimo + bom): 30%
  • Regular: 26%
  • Negativa (ruim + péssimo): 43%

A aprovação do presidente, por outro lado, mostra estabilidade. Enquanto 61% desaprovam a atuação de Jair Bolsonaro à frente do país, outros 34% aprovam.

“Não votaria de jeito nenhum”

Bolsonaro teve uma redução expressiva na resistência ao voto para presidente. O levantamento da CNT questionou: “Se Jair Bolsonaro for candidato a presidente nas eleições deste ano, o senhor diria que”. Entre as respostas possíveis está “não votaria de jeito nenhum”. Em julho de 2021, o índice era de 61,8%. Em dezembro, foi de 59,2%. Já em fevereiro, esse número caiu para 55,4%.

  • Votaria nele com certeza para presidente: 25,6%
  • Poderia votar nele para presidente: 17%
  • Não votaria nele de jeito nenhum: 55,4%
  • Não conhece/não sabe quem é: 1%
  • Não sabe/não respondeu: 1%

Intenções de voto

O ex-presidente Lula tem 42,2% das intenções de voto e continua na liderança da corrida presidencial, segundo nova pesquisa CNT. Jair Bolsonaro, por sua vez, aparece com 28% na pesquisa estimulada, quando os candidatos são apresentados aos entrevistados.

Enquanto Lula se manteve estável em relação à pesquisa anterior, em dezembro de 2021, quando tinha 42,8%, Bolsonaro teve crescimento: subiu de 25,6% para 28%. Ciro Gomes subiu entre os eleitores, de 4,9% para 6,7%, e Sérgio Moro teve recuo de 8,9% para 6,4%.

Essa não é a primeira pesquisa que mostra uma melhora nos índices de Bolsonaro. A pesquisa Poder Data, de 16 de fevereiro, mostra que Lula ainda lidera as intenções de voto para a eleição presidencial, com 40%. No entanto, a diferença do petista para Jair Bolsonaro caiu cinco pontos percentuais em um mês. O presidente tem 31%, diferença de 9 pontos para Lula.

yahoo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *