7 de dezembro de 2021

Maurício Souza vai processar TV Globo, Felipe Andreoli e Casagrande

Após ser causado de homofobia, o jogador de vôlei Maurício Souza, de 33 anos, acionou a Justiça contra o comentarista esportivo Walter Casagrande e o apresentador Felipe Andreoli, por calúnia, injúria, difamação e danos morais.

A Rede Globo, emissora onde trabalha os dois comunicadores, também será alvo de uma ação por propagar discursos dos dois contratados.

As informações do processo foram veiculadas pela jornalista Analice Nicolau, e confirmadas pelo Conexão Política.

De acordo com a equipe jurídica de Maurício, a acusação de homofobia não pode ser banalizada.

“A homofobia é crime e é grave, mas não pode ser banalizada. As pessoas precisam entender que é um crime de potencial ofensivo. Perante o entendimento jurídico, na postagem de Maurício não há homofobia e nem ridicularizou os quadrinhos, o que houve foi um questionamento. […] É abstrato e genérico acusa-lo de tal forma”, assegurou o advogado Newton Dias.

Ainda de acordo com Dias, segue convicto de suas opiniões, ciente de que não houve delito em suas palavras e posicionamentos. No entanto, o atleta busca justiça após a repercussão da polêmica, que resultou, principalmente, na demissão Minas Tênis Clube.

Conexão Política

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *