7 de dezembro de 2021

Defesa de Allan dos Santos entra com habeas corpus no STF

A defesa do jornalista Allan dos Santos, do Terça Livre, entrou com um pedido de habeas corpus no STF contra a ordem de prisão e extradição do empresário feita na última quinta-feira (21/11) pelo ministro Alexandre de Moraes.https://googleads.g.doubleclick.net/pagead/ads?client=ca-pub-9306856712405846&output=html&h=199&slotname=6948253121&adk=745732792&adf=3428771123&pi=t.ma~as.6948253121&w=375&lmt=1635975450&psa=1&format=375×199&url=https%3A%2F%2Fvistapatria.com.br%2Fdefesa-de-allan-dos-santos-entra-com-habeas-corpus-no-stf%2F&flash=0&host=ca-host-pub-2644536267352236&wgl=1&dt=1635975449990&bpp=1&bdt=959&idt=-M&shv=r20211029&mjsv=m202110280101&ptt=9&saldr=aa&abxe=1&cookie=ID%3Ded40b75755c4449d-227fbe94407b006d%3AT%3D1635703137%3ART%3D1635703137%3AS%3DALNI_Mb_LBUBc5Ycc5dmPckzbjxzSU3eWQ&prev_fmts=0x0%2C375x312&nras=2&correlator=2506816816498&frm=20&pv=1&ga_vid=1061345583.1633530762&ga_sid=1635975449&ga_hid=85557735&ga_fc=1&u_tz=-180&u_his=6&u_h=667&u_w=375&u_ah=667&u_aw=375&u_cd=32&adx=0&ady=1049&biw=375&bih=553&scr_x=0&scr_y=0&eid=31063295%2C31063360&oid=2&pvsid=1390760606756292&pem=773&ref=https%3A%2F%2Fvistapatria.com.br%2F&eae=0&fc=1920&brdim=0%2C0%2C0%2C0%2C375%2C0%2C375%2C667%2C375%2C553&vis=1&rsz=%7C%7CeEbr%7C&abl=CS&pfx=0&fu=0&bc=31&ifi=3&uci=a!3&btvi=2&fsb=1&xpc=IHiSDnpUCL&p=https%3A//vistapatria.com.br&dtd=14

No documento os juristas detalham que o jornalista é membro da Society os Professional Jounalists-SP, da International Association of Press Photografers-IAPP e, no momento da decretação de sua prisão exercia a função de correspondente internacional nos Estados Unidos da Terça-Livre TV.

Estamos atacando todos os fatos que o ministro imputa como fatos criminosos. Não existe comprovação dos crimes ali imputados. Ele fala que há uma organização para cometer crimes contra a honra e incitação à violência. Mas não tem conduta, não tem ação humana descrita na decisão.

Defesa

E acresentou:

Está havendo uma perseguição política com violação aos direitos humanos. Uma decisão que decreta prisão tem que ter fundamentação clara e não pode ter esses fundamentos abertos como ‘discurso de ódio’, ou falar de organização criminosa sem listar quem são as pessoas.

Defesa

O jornalista mora nos Estados Unidos desde agosto de 2020. Allan dos Santos é investigado pelo Supremo no Inquérito 4.871, chamado “Inquérito das Fake News”, que apura suposta divulgação de notificas falsas e ataques a integrantes do STF.

Vale ressaltar que, a Procuradoria-Geral da República foi contrária à decretação da prisão

Vista Pátria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *